Aumento de número de HIV detectados em teste rápido preocupa Saúde em Santo Estevão

Equipe da Sesau realizou mais de 90 testes rápidos de HIV, Sífilis, Hepatite B e Hepatite C e distribuição de preservativos em mais uma ação da Campanha: “Precisamos falar de HIV”, na manhã deste sábado (23), no Centro de Abastecimento, informou a Assessoria de Comunicação da prefeitura de Santo Estevão.

“A AIDS é uma doença que não tem rosto, por isso, é essencial que as pessoas vençam o receio e realizem o teste, que é gratuito, seguro e totalmente sigiloso”, dizia a publicação da prefeitura, no Facebook.

Em entrevista ao radialista Leo Moura, na Paraguassu FM, na quinta-feira (21), a secretária Orlandina Nascimento informou que a preocupação decorre do fato de a prefeitura ter notado aumento de casos na faixa etária de 19 a 29 anos, detectados pelo teste rápido para HIV realizados nas Unidade de Saúde.

A prefeitura não divulgou dados sobre os testes feitos na campanha deste sábado, caso alguém tenha sido diagnosticado como positivo para HIV, ainda passará por exame confirmatório e terá tratamento e acompanhamento imediato. Segundo a Sesau, a campanha tem caráter educativo.

Para mais informações e duvidas a Prefeitura de Santo Estêvão pede que as pessoas procurem a Secretaria de Saúde do município.

Fonte e Fonte: ASCOM com Trombone news