Cantor do Trio Parada Dura, Parrerito morre aos 67 anos por complicações da Covid-19

Integrante do Trio Parada Dura, o cantor Eduardo Borges, conhecido como Parretito, morreu aos 67 anos, na noite deste domingo (13), em Belo Horizonte, por complicações causadas pela Covid-19.

De acordo com comunicado oficial divulgado pelo grupo musical, o artista foi internado há 16 dias no Hospital Unimed, na capital mineira, com sintomas do novo coronavírus. “Por ser do grupo de risco pela idade e diabético, precisou ser mantido na UTI em estado grave. Batalhou muito, mas infelizmente não resistiu às complicações da doença”, informa.

“Igual a andorinha, Parrerito parte voando e deixa um Brasil inteiro já com saudade de sua voz que por quase quatro décadas marcou gerações no Trio Parada Dura. Ficará para sempre em nossos corações e na memória da música sertaneja”, diz nota.

Fundado em 1973, a atual formação do Trio Parada Dura era composta pelos Parrerito, Creone e Xonadão. Segundo informações do G1, os demais integrantes da banda testaram negativo para a Covid-19. A esposa de Parrerito, no entanto, foi diagnosticada com a doença e se recupera em casa.