“Unimos para nunca mais desunir”, afirma vice-prefeito durante cerimônia de posse em Santa Terezinha

Aconteceu no início da noite desta sexta-feira (01/01) na Estação Cultural a cirimônia de posse dos vereadores, do prefeito e vice do município de Santa Terezinha (BA).

Durante o seu discurso bastante firme, o vice-prefeito Nego Doro destacou a sua trajetória política enfatizando os seus seis mandatos conquistados para vereador, antes de se tornar vice. “A batalha é grande mas se tiver inteligencia a gente segue como eu segui por seis mandatos que ficou na história de Santa Terezinha” enfatizou ele.

Na sequência, o mesmo falou sobre a relação que tinha com a grupo político do gestor anterior ao qual fazia parte e afirmou que a sua mudançã de lado está diretamente ligado a questão de ser humano com as pessoas.”Há quatro anos atrás eu estava aqui no outro grupo. Grupo sim, que não tem amor pelo povo de santa terezinha, foi por isso que eu decidi que Agnaldo hoje é um cara humano pra Santa Terezinha”, afirmou ele.  O vice-prefeito também teceu duras críticas as gestão anterior ao qual afirmou que por conta de um empréstimo junto ao BNDES vai impactar segundo ele em um valor de aproximadamente 47 salários mínimos.

Nego Doro falou também que teve desavenças no passado com Agnaldo Andrade, mas que quando percebeu quem era de fato era ele, percebeu o quanto humano  é.”Você abre sua casa Agnaldo, pra todo mundo e tem uma coisa, unimos pra nunca mais desunir por que o povo de Santa Terezinha vai ter um Agnaldo e um Nego Doro visando o desenvolvimento”, pontuou ele que ainda elogiou o fato de nesta gestão o vice-prefeito ter pela primeira vez um gabinete oficila para atender o povo.

Por fim o vice-prefeito destacou que a gestão pretende realizar algumas obras e que já tem 13 milhões de reais para serem executados e a pedido de Agnaldo vai iniciar pelo Taperi e depois o Bastião. Por fim agradeceu a todos pelo apoio.


There is no ads to display, Please add some